domingo, 8 de fevereiro de 2009


Onde mora a poesia






Eu vejo poesia no almoço entre dois
amigos – ou de um casal -, numa quinta,
comendo picadinho. Felizes. Num boteco
de sexta categoria.



Eu vejo poesia quando o doutor sai
do posto onde trabalha, na periferia,
e tira o seu jaleco. Exausto.



Eu vejo poesia num menino se
lambuzando de chocolate - quase
derretido, num dia quente -, sentado
no banco do ônibus, à minha frente.
Manchando minha manga e seu assento.
Enquanto ouço a mãe, atrasada, avisando:
"cuidado, que você vai acabar sujando o
banco e o moço".



Eu vejo poesia na barba mal feita e
rala do ofice-boy, que rala e sorri na
fila do banco. Há quem veja poesia
nos colibris. Mas, para isso, não precisa
ser poeta. Basta ter olhos.



Eu vejo poesia na cabeça raspada
- em máquina zero -, de um cara
de meia idade, que já ensaia sua
calvície, recém-saído da barbearia.
Há quem veja poesia na pieguice.



Eu vejo poesia no homem que anda coxo,
mas recita: “eu estou quites com o sistema
bancário, com meu trabalho, com a profissão
que escolhi. Com a vida e a morte, na hora que
qualquer uma me queira!” Eu vejo poesia numa
criança pequena tentando comer um pedaço de
carne.



Eu vejo poesia naquele que se prostra, só.
Onde ninguém vê. E naquele que abraçou
o poeta Rumi, e esqueceu as suratas do
Alcorão. Porque, mal lidas - e decoradas,
decorativas -, patrocinam Guerras Santas.
Também vejo poesia em quem enxuga toda
a Bíblia no Sermão da Montanha.



Eu vejo poesia no passar dos anos – longos,
rápidos -, muito mais do que em meros
sorrisos de alegria. Nos carnavais.
Para isso, não precisa ser poeta.
Bastaria estar vivo. Ou bêbado.







Marcelo Novaes



Marcelo Novaes, poeta e psicanalista blog o lugar que importa.

http://olugarqueimporta.blogspot.com


14 comentários:

WELLINGTON GUIMARÃES disse...

ELAINE, O CARA É BOM!

"Eu vejo poesia na barba mal feita e
rala do ofice-boy, que rala e sorri na
fila do banco. Há quem veja poesia
nos colibris. Mas, para isso, não precisa
ser poeta. Basta ter olhos."

É ISSO. ESSE É O POETA, ESSE É O CARA!

BEIJOS

Elaine Siderlí disse...

Sim, Well querido sim!!!

Você sabe o quanto admiro e respeito Marcelo Novaes, que hoje tem oficinas literárias acontecendo em Sampa no Rio e em breve em todo Brasil.
Lembra Well, quando você, Mirse e eu (e talvez mais alguém que eu esteja esquecendo)éramos os únicos a ter coragem de comentar no lugar que importa?
A mim é uma imensa alegria acessar "o lugar que importa" hoje e ver que muitas outras pessoas se importam!

Confesso Well, que ainda penso que o poeta doa uma parte de si e de sua visão e a compartilha com os que se dispõem a isso!

Well, querido, volte sempre!

bjus.

Elaine Siderlí.

Eduardo Aleixo disse...

zVês poesia onde a tua sensibilidade chega. Fazes-me lembrar Rainer M. Rilke que diz mais ou menos que: " Nunca devemos dizer que um determinado lugar é feio. Devemos é notar que nós não temos é sensibilidade para ver a beleza onde ela está." Pois é. Eu consigo ver beleza até
numa mulhar dita feia. Que não é o teu caso. Que és linnnnda..."
Beijo.
Eduardo

Mirse disse...

Que BELEZA!!!!

Marcelo e Elaine... juntos numa postagem.

Parabéns, amiga!

Bela escolha

Beijos

Mirze

manzas disse...

No castelo
Das expressões,
Estas palavras
Sobrevoam
O mundo inteiro…
Acorrenta e entoam
Paz aos corações
E aqui
Ao lê-las…
Ficarei prisioneiro

Uma semana carregada
De saúde,
Paz…
E muito amor.

O eterno abraço…

-MANZAS-

Elaine Siderlí disse...

Ah, Edu, querido, grata pelo elogio.
Sim, a beleza está nos olhos de quem vê (de verdade)e de quem sente com a alma!

bjus.

Elaine Siderlí disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elaine Siderlí disse...

Mirse, amiga fiel e querida, como não postar aqui algo de Marcelo Novaes?
Eu é quem lhe agradeço pela visita e pelos cumprimentos, você é sempre bem-vinda em minha vida!

bjus.

Elaine Siderlí disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Café da Madrugada® Por Lipp & Van. disse...

Olá!
Estava "bisbilhotando" por aí, até que me deparei com este blog.

;x e nossa... muitos textos bons!
Gostei viu?

=) estarei te acompanhando aqui.

se puder, me faça uma visitinha!
http://xcafedamadrugadax.blogspot.com


Van.
Bjs.

Elaine Siderlí disse...

Manzas, grata!
boa semana a você também!
bjus.

Elaine Siderlí disse...

Van, grata!

Aqui pode "bisbilhotar" a vontade hehehe...
Retribuirei sim a visitinha!

bjus.

Vieira Calado disse...

Olá, amiga!

Só para dizer-lhe que seria uma honra para mim ter um poema no seu blog.

Quando o fizer, por favor, diga-me, para eu ajuntar o endereço do seu blog a uma 3ª lista de outros que têm
colocado poemas meus.
Depois, publicarei essa lista no meu blog.

Beijoca

Elaine Siderlí disse...

Ok, querido Vieira, assim o farei!
Grata pela visita!
bjus.